Os Dois Sapos

Em um banhado moravam dois sapos. Um deles era quieto, nunca falava. O outro era tagarela, vivia falando.

Certo dia, o sapo quieto morreu de fome.

Moral da história: em boca fechada não entra mosca.

(Escrito em 30 de agosto de 01995. Ao contrário do que indica a data deste post, só publiquei na Internet vários anos depois, não sei exatamente quando.)